Conheça a fábrica da Samsung em Austin que se tornou a zona de inovação em 5G

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Inovação em 5G

A Samsung, uma das maiores empresas do planeta, anunciou em 2018 planos para criar, em parceria com a AT&T, companhia de telecomunicações estadunidense, uma zona de inovação voltada para utilização de redes 5G na manufatura, em Austin, no Texas. O propósito desta zona é desenvolver pesquisas e propor novas ideias para tecnologias usando redes 5G na melhoria de ambientes de manufatura e criação de fábricas inteligentes.

A parceria não se restringe a utilização de redes 5G, considerando também as tecnologias LTE (padrão de redes de celulares bastante usado atualmente) e Wi-Fi em suas pesquisas. Conforme afirma a AT&T, os avanços nas tecnologias 5G devem resultar também em melhorias nessas outras tecnologias e suas aplicações.

Espera-se que a fábrica encontre soluções de alta eficiência e performance para as indústrias de manufaturas através de propostas inovadoras. Essas propostas devem fazer uso dos dados adquiridos a partir de casos de uso de redes 5G.

Dentro da Fábrica

Para servir como zona de inovação, a fábrica conta com estruturas para testes de diferentes aplicações. A seguir, estão listadas alguns dos dispositivos presentes na fábrica e suas atribuições:

  • Sensores de saúde e ambiente: Estes dispositivos estão sendo testados para melhor resposta a situações de urgência dentro das fábricas para acelerar a localização dos problemas e o processo de atendimento de empregados afetados quando necessário;
  • Dispositivos de manuseio automatizado de materiais, internet das coisas (IoT, do Inglês Internet of Things) industrial e robótica: Os testes nessas áreas visam desenvolver tecnologias que aproveitem a maior largura de banda das redes 5G para utilizar transmissão ao vivo de vídeos em 4K e dados de sensores da IoT a fim de melhorar processos de automação industrial;
  • Dispositivos de realidade misturada: A utilização das redes 5G em conjunto com dispositivos de realidade misturada será avaliada para utilização do treinamento de funcionários e outras possíveis aplicações futuras nas áreas de educação.

Diversas informações e vídeos a respeito destes trabalhos estão disponíveis no site da operadora AT&T. Em um dos vídeos, alguns dos aparelhos utilizados nas pesquisas dentro da fábrica são mostrados, inclusive citando a possibilidade do público participar de experiências no local. Testes realizados por pessoas exteriores ao ambiente de pesquisa também são uma forma bastante importante de se obter dados para o avanço no desenvolvimento de novas tecnologias.

O que produzem

O foco do centro de inovação não é a produção de itens físicos, ou seja, hardwares. Instituições do tipo tem como objetivo o desenvolvimento de pesquisas que levem a produção de novos dispositivos ou aplicações inovadores de tecnologias já existentes.

Além do foco nas pesquisas de uso do 5G, o centro de inovação também tem a preocupação em promover a aplicação destas redes na manufatura. Esta promoção é de grande interesse da AT&T, por questões óbvias, visto que a companhia vende serviços de telecomunicações.

Apesar de não ter sido criado com a intenção de produzir hardware, destaca-se que a Samsung possui sua própria linha de Sistema-em-um-Chip (SoC, do inglês System-on-a-Chip), chamada Exynos e que equipa diversos de seus principais dispositivos.  Avanços na criação de novas tecnologias utilizando 5G podem portanto oferecer vantagens para a Samsung contra suas principais concorrentes, visto que poderão ser implementadas em seus próprios SoCs.

Perspectivas 

As parceiras do projeto da zona de inovação, Samsung e AT&T, veem esta instituição como um vislumbre do futuro da manufatura. Existe grande expectativa que as redes 5G revolucionem a eficiência das fábricas, a segurança dos trabalhadores e a qualidade dos produtos fabricados. Resta saber como isso irá impactar os consumidores finais.

NEWSLETTER APEXO EDU

Cadastre-se agora e recebe as últimas novidades sobre o mercado de tecnologia e Infraestrutura 

Descubra como as principais marcas já estão aplicando o 5G nas indústrias.

Nós usamos cookies para garantar a melhor experiência em nosso site