Como o 5G moldará as indústrias do futuro?

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

A Tecnologia 5G está mais perto, depois que a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) aprovou a proposta do edital de licitação para redes 5G, que vai ocorrer em novembro deste ano.

A expectativa é que o padrão da tecnologia de quinta geração encontre condições favoráveis para que as redes de internet e transmissão de dados, passem a ter maior velocidade e cobertura, comparando com o que se tem disponível hoje –  a  tecnologia de quarta geração (4G).

Os benefícios do 5G chegam também à Internet das Coisas (IoT), à Inteligência Artificial (IA) e aos diversos processos de organização das empresas, com a grande possibilidade de que um número significativo de cabos de redes padrão ethernet deixe de ser usado, em favor de maior oferta de redes wireless.

5G nas indústrias

Com um potencial de ganho em velocidade eminente, as indústrias podem obter um desempenho em grande escala, suportado pelo uso já consolidado da Internet das Coisas Industrial (IIoT), principalmente, e também da Realidade Aumentada (RA).

Fatores como velocidade, capacidade, conectividade e segurança são fundamentais na possibilidade de levar as empresas para um novo patamar de tecnologia e eficiência.

A grande velocidade da tecnologia 5G pode não apenas reduzir a presença do cabeamento nas instalações industriais, mas também trazer avanços nos processos de produção com base na robótica, pois o armazenamento em nuvem pode beneficiar a captação de dados dos robôs.

A grande capacidade do 5G torna possível aumentar a quantidade de computadores conectados, sem que a velocidade de desempenho da rede seja afetada ou fique instável. Com tempo quase nulo de resposta da internet, os downloads podem ser feitos de modo extremamente rápido.

O poder de conectividade do 5G viabiliza a presença de equipamentos de IA ou IIot, fazendo com que seja possível ter maior controle sobre a demanda.

A segurança é um ponto forte do 5G, pois seu protocolo de segurança mais robusto permite resguardar e fortalecer o uso da computação em nuvem, aumentando os obstáculos a ataques e impedindo que as tentativas de invasão tenham êxito.

A indústria e as smart cities

O conceito de cidades inteligentes fica bem fortalecido e com uma grande capacidade de desenvolvimento, com a tecnologia 5G.

As indústrias se beneficiarão não apenas através do salto evolutivo de seu parque instalado, mas também em seus negócios, pois a prestação de serviços de qualidade passa necessariamente pela produção de produtos compatíveis com o padrão de indústria 4.0, em forte expansão.

Em dezembro de 2020 foi lançada a Carta Brasileira para Cidades Inteligentes, que vai orientar o desenvolvimento destas cidades no Brasil, as chamadas smart cities.

A evolução representada pela indústria 4.0 encontra paralelo nos conceitos e tecnologias que têm possibilidades de serem usadas para a melhor oferta de serviços ao cidadão.

As características da indústria 4.0, como a operação em tempo real, a descentralização, virtualização e atuação sob demanda, são essenciais para uma participação efetiva no desenvolvimento de novos produtos e serviços para atender a economia do mundo digital, com o suporte da tecnologia 5G.

NEWSLETTER APEXO EDU

Cadastre-se agora e recebe as últimas novidades sobre o mercado de tecnologia e Infraestrutura 

Descubra como as principais marcas já estão aplicando o 5G nas indústrias.

Nós usamos cookies para garantar a melhor experiência em nosso site